20 novembro 2007

Venham a nós os amigos dos povos.

O nossos iluminados e sabedores dirigentes recebem de braços abertos o despudorado Chávez, elogiam caninamente o Czar Putin e agradecem cheios de salamaleques a vinda do bandido Mugabe, agora o sensato e apelante à paz Dalai Lama, népias.

Se recebêssemos esse malandro ainda poderíamos ser confundidos com um país que tem em conta os direitos humanos e respeita os homens de paz. Não queremos cá confusões! O próprio Luís Amado disse que pelas «razões conhecidas» não receberiam o Dalai Lama. Talvez as devesse explicar a Merkel e a Bush.

Não aprendemos nada com Timor...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial